O que fazer em Bruxelas – Principais Pontos turíticos e muito mais.

Olá meus amores, tudo bem com vocês? Hoje estou aqui para contar pra vocês como foi a minha última viagem e o que fazer em Bruxelas!! Vou contar pra vocês onde fiquei, os restaurantes, os principais pontos turísticos, as melhores chocolaterias, e gaufrerias, e muito mais. As melhores dicas de tudo que aproveitei la e curti.. Andei bastante, então “prepare as pernas”.

Primeiramente quero dizer que antes de organizar essa viagem você deve colocar na sua rota, cidades lindas e pertinho como Burges, Amsterdã e Paris. São trechos com menos de 3 horas e você pode ir de carro, bus, trem, carona, não importa!! Aproveite!!

 o que fazer em Bruxelas ?

Afinal o que fazer em Bruxelas – Bélgica?

Muitos franceses, e algumas pessoas que conheço diziam que não tem muita coisa para fazer em Bruxelas – e eu  por não conhecer, ficava pensando se valia ou não a pena ir la visitar. Porém, a capital belga não só é incrível e linda, como também muito interessante, de uma arquitetura europeia encantadora.

Passei três dias por lá, e parace que não foram suficientes para visitar tudo (sem contar os muitos bares/cafés e atrações pagas).

É uma cidade  onde me senti confortável de cara com a de diversidade dos idiomas: francês, inglês e holandês. Os idiomas se misturam em outdoors, publicidades, menus e até nas placas. A grande maioria dos habitantes falam francês, o que me ajudou muito (não falo holandês)… E apesar da capital fazer parte do território dos “falantes holandês”, e mais fácil escutar as pessoas falando em francês.

 

 

Para uma cidade que não tem nada pra fazer, ficamos bem ocupados até a hora de ir embora!! Eu achava que tinha visto muitos estrangeiros em Miami, New York ou aqui em Paris, porém, Bruxelas me surpreendeu! Ela é uma cidade de imigrantes: se você pesquisar no Google ou na Wikipedia, vai ver que  70% da população vieram de outros países. São turcos, franceses, italianos, portugueses, marroquinos, alemães, russos, equatorianos e o número absurdo de brasileiros. Além é claro, dos animados africanos, que amam fazer muito barulho onde estão.

No hotel onde fiquei, era bem próximo ao centro, mais ficava no meio do bairro africano que tinham lojas, e mercados de todo estilo, uma mini africa no meio da cidade. Então não tinha como não reparar nessa diversidade nas ruas, principalmente se você sair do bairro central.

Principais pontos turísticos para vistar – O que fazer em Bruxelas

Uma coisa que pouca gente fora da Europa sabe sobre o que fazer em Bruxelas é que a cidade também é considerada a capital da União Europeia, tem um prédio imenso lá servindo de centro administrativo para o parlamento europeu e todas as comissões da UE. E. Mas fora isso que não é muito interessante para nós turistas, saiba que não falta o que fazer em Bruxelas. Muitos pontos turísticos e uma cidade linda para visitar.

Além de tudo isso, essa cidade  é um centro para o maravilhosa combinações:  diferentes e deliciosas cervejas, os melhores chocolates do mundo (brigando ano a ano com a Suíça), batatas frias em porcões gigantes e mega caprichadas e os irresistíveis wafles!

Mesmo se não tivesse nada pra visitar, só de experimentar essas delícias, já valeu a pena viajar. Mas vou listar pra vocês como foi o meu roteiro pra você saber o que fazer em Bruxelas em 3 dias.

O que fazer em Bruxelas: Dia 1

O primeiro dia é sempre o mais cansativo e empolgante! Saímos de Paris por volta de meio-dia, e lá pelas 16hs com as paradas e o trânsito (era feriado na França), chegamos em Bruxelas. Procuramos o hotel que reservamos, no começo parecia muito estranho por fora, sem parking (na europa raramente hotéis centrais de 3 e 4 estrelas possuem estacionamento particular), porém fomos surpreendidos ao entrar.

O Best Arbre da vie, era muito acolhedor, arrumadinho, aceitaram nossa pet (Nina, nossa labradora) e ainda nos deram um quarto com um balcão privado enorme pra Nina poder ter espaço. Eles ficam de frente um bar/café que servem bebidas e comidas deliciosas! O valor pelos 3 dias foi de 118€, uma pechincha comparado aos outros hotéis próximos. Eles possuem vários mapas e também indicam o que fazer em Bruxelas.

 

Grand Place

Nós instalamos e logo partimos pra conhecer a cidade, de cara pude observar que muitas das atrações de Bruxelas concentravam-se pertinho de nós, menos de 20min de caminhada e bem no centro. E logo fomos direto ao principal cartão-postal, a Grand Place, uma praça enorme e linda! Tanto que fiquei admirada tirando milhares de foto, quase perdi o meu marido e acabei sentando em um dos restaurantes para comer os famosos waffles, olhando aquela arquitetura magnífica. Realmente  acredito ser uma das mais belas praças da Europa que eu já conheci.

 

 

A Grand Place, ou Grote Markt – seu nome em holandês – é Patrimônio Histórico da Humanidade pela Unesco desde 1988, tem prédios dos séculos 14 a 17 de acordo com o Wikipedia. Antigamente essa praça servia de espaço para mercados ao ar livre e hoje serve para os comerciantes e bares/cafés locais. Atualmente a cada dois anos, o centro da praça é decorado com um enorme tapete de flores, conhecido mundialmente (eu vi fotos apenas) e no final do ano recebe a tradicional feira de natal. Quando estava lá não tinha nada disso, infelizmente.

Após visitar a praça, fomos caminhar pelas pequenas ruas do centro (um passeio incrível). Mesmo que ningúem indicasse o que fazer em Bruxelas nos deparamos com um monte de lojinhas de chocolate, cervejarias, barraquinhas de waffles e batatas fritas e cafés  –em geral por serem locais turísticos, possuem os preços mais salgados que em outros lugares.

 o que fazer em Bruxelas ? o que fazer em Bruxelas ?

 

Manneken Pis

Nós sabemos que toda cidade tem seu “monumento” mais famoso e que gera várias visitas. Em Bruxelas esse monumento é uma curiosa estátua não muito grande de menino fazendo xixi! Isso mesmo você não leu errado, o famoso Manneken Pis ou Petit Julien, é o munumento mais visitado e importante da capital. Foi criado e instalado em 1619 inspirado na história de um pai que após perder seu filho e o encontrar fazendo xixi na rua, decidiu fazer uma estátua em sua homenagem.

Muita gente não sabe mais perto dali também existe uma outra estátua do sexo feminino fazendo xixi, menos famosa a Janneken Pis (1987)  está localizada na rua do Delirium Café.

Por incrível que pareça, o Maneeken Pis, já sofreu várias tentativas de furto e possui mais de 800 “looks” diferentes que varia em datas comemorativas.

Localização: Esquinas das ruas de l’Étuve e Chêne.

 Mannekin pis - o que fazer em Bruxelas ? o que fazer em Bruxelas ?

Catedral de St. Michael e St. Gudula

Na volta para o hotel, ainda alí no centro de Bruxelas, fomos visitar uma catedral que pode ser vista de longe. No caminho cruzamos lindos edifícios antigos, até chegar em uma das mais belas igrejas de Bruxelas. A Catedral de St. Michael e St. Gudula, uma capela dedicada a St. Michael. Ela foi construída no século XI, como uma simples capela, e foi transformada séculos depois em uma igreja católica, sendo elevada à condição atual de uma bela catedral em 1962.

Infelizmente estavamos com a Nina (nossa cachorrinha labradora) e acabamos não entrando na catedral, mas é possível visitar durante todo o dia. Você pode encontrar as ruínas romanas, a criptas e os tesouros da catedral. As informações que encontramos lá sobre os horários de visitação são:

Catedral: Segunda a sexta: 07:00 – 18:00 Sábado e domingo: 08:00 – 18:00 Entrada gratuita.

Localização: Place Sainte-Gudule

 

 o que fazer em Bruxelas ?

 

Cervejarias e chocolaterias famosas

Quando o assunto é o que fazer em Bruxelas, se você é amante de cervejas e chocolates, essa é a capital! Quando você pensa em o que fazer em Bruxelas, os variados chocolates são destino certo! A cervejaria mais famosa e turística o Delirium Café é a mais recomendada e visitada de Bruxelas. Essa cervejaria está no Guiness Book por conta dos variados 2004 rótulos diferentes de cerveja que eles vendem. É composto de três andares, com ambientes diferentes, e claro  para cada cerveja copo especial para servi-la.  Além disso eles permitem que você compre e aproveite as delícias das famosas Belgium frites (melhores batatas fritas que já comi!).

Além do Delirium Café exitem também outras cervejarias famosas como a  “La Mort Subite” que existe desde 1928 e é frequentado por uma galera mais tranquila, e o Poechenelkejekder (quase um palavrão) que possuem mais de 150 rótulos de cervejas e fica bem pertinho do Manekin Pis.

 

Quanto as chocolaterias é difícil escolher a melhor, compramos chocolates na chocolateria Mary que existe desde 1919 e possuem umas caixinhas personalizadas lindas e um chocolate divino, e na Chocópolis que fica na praça a caminho da Grand-Place onde você pode escolher dentre mais de 20 sabores, aqueles que gostar mais! Porém existem as mais famosas como as do bairro do Sablon, lojas como Passion Chocolat, Belvas, Dandoy e outras. Próximos ao centro, existem as famosas Neuhaus, Leonidas e Godiva. Vale muito a pena passar lá pra experimentar pelo menos 1 bombonzinho!

 

Delirium Café Bar - O que fazer em Bruxelas

O que fazer em Bruxelas: Dia 2

Como eu contei pra vocês, o hotel que ficamos era próximo ao centro, partindo dali, há inúmeras possibilidades. Descendo sentido a Grand-Place passamos pela linda Place Royale que possui uma arquitetura e museus incríveis. Logo ao lado desta estação central já está a Biblioteca Nacional e o Palácio de Bruxelas. Se você gosta de uma vista linda da cidade, os Jardins do Monts de Arts  nós da uma vista  ser apreciada com um jardim incrível!

Além dos jardins em si e do mirante, ao redor ficam museus interessantes, como o Museu Real de Belas-Artes da Bélgica, o Museu de Instrumentos Musicais e o Centro de Belas Artes BOZAR.

 O que fazer em Bruxelas

Mont des Arts

Palácio Real de Bruxelas, um outro lugar muito bonito de se visitar , fica logo atrás desses museus, e é onde o rei da Bélgica mora e trabalha (sim, a Bélgica ainda possui uma monarquia). Porém só é possível visitar o local no verão, entre 22 de julho a 4 de setembro, por isso não podemos visitá-lo.

Atomium

Para o segundo dia, coloquei na lista do que fazer em Bruxelas, depois de passarmos pelas lindas arquiteturas da cidade,  há ainda uma parte muito famosa e imperdível que é preciso fazer. Eu estava super curiosa para conhecer o famoso Atomium, onde todos confirmam (inclusive eu!) que possui a vista panorâmica mais linda da cidade. Apesar de ficar um pouco mais distante do centro da cidade ( fomos de uber uns 20 min), vale a pena ver de perto o Atomium e claro conferir por dentro.

O Atomium é lindo por fora e por dentro! Possui uma curiosa construção em forma de átomo  e era para ficar exposta temporariamente, somente durante a Exposição Mundial de 1958. Mas foi conservada e renovada em 2006. Até hoje essa invenção criativa e ultramoderna se mistura a arquitetura histórica da cidade e cria uma atmosfera futurista com uma vista linda. Pra quem ama coisas diferentes esse é um local pra ser colocado com estrelinha na frente quando listar o que fazer em Bruxelas.

Dentro da estrutura de 102 metros de altura, que possui um museu dentro das suas esferas. Os visitantes podem passear e conhecer a história dessa construção, e ver as exposições sobre a história da aviação e outros temas ligados à ciência. Foi entre uma esfera e outra, que eu conheci umas das maiores escadas rolantes do mundo com aproximadamente 26 metros. E o melhor é poder apreciar uma bela vista panorâmica de 360° graus de Bruxelas.

Horário: aberto todos os dias das 10:00 às 18:00

Localização: Square de l’Atomium (Estação de metrô Heizel)

Atomium - Bruxelas

Atomium-Dyuly Pouvreau

Mini- Europe

Um lugar pra toda criança e adulto se sentir um gigante, O Mini-Europe não é um museu, nem um parque de diversões. Na minha lista sobre o que fazer em Bruxelas ele surgiu como um parque temático ao ar livre, onde é possível visitar a Europa quase toda, em miniatura em apenas algumas horas.

Eu amei poder ver tantos monumentos de uma vez só! Todos os modelos do Mini-Europe (mais de 300) estão construídos à escala de 1:25 e possui um trajeto onde podemos interagir com os munumentos, fazendo com que os barcos, bonecos, etc se mexam ou tocando o hino do local. Em alguns deles existem algumas interações que vão além como puxar alavancas para fazer mover o moínho de vento,  a água, correr parado para ver um policial perseguir um ladrão, colocar fogo e ajudar os bombeiros a apagar ou conseguir “explodir” um vulcão, são alguns exemplos.

Podemos encontrar as réplicas dos monumentos de várias cidades européias como O Big Ben, a Torre Eiffel ou a Torre de Pisa, mas também a recriação dos canais de Veneza ou Amesterdã.

(Você também pode ler sobre minha viagem à Amsterdã clicando aqui!)

Confesso que fiquei completamente impressionada com o cuidado nos detalhes em pessoas, carros ou barcos representados. Mas no Mini-Europe, além da exposição exterior, há ainda um espaço interior reservado a jogos multimédia interativos para as crianças de todas as idades. Vale a pena colocar na sua lista do que fazer em Bruxelas.

Mine europe - o que fazer em BruxelasMini-Europe-o-que-fazer-em-bruxelas

O que fazer em Bruxelas: Dia 3

Malas prontas dentro do carro, fizemos o check-out do hotel e partimos para conhecer mais um pouquinho dessa cidade lindas pois ainda tinha o que fazer em Bruxelas, mesmo depois de tudo que andamos. E ja que estavamos de carro aproveitamos pra visitar locais que eram um pouco mais distantes do centro.

 

Parque Cinquentenário

Para o último dia – na minha lista sobre o que fazer em Bruxelas – reservamos a parte da manhã para poder visitar mais um pouquinho e fomos no belíssimo Parque Cinquentenário (Parc Cinquantenaire), que teve sua estrutura construída em 1880, incluindo museus e um Arc do Triunfo. A construção foi feita para a comemoração da Exibição Nacional, uma feira que comemorou os 50 anos da independência belga.

Hoje, no seu interior estão o Museu Militar, o Museu da História e da Arte  o Cinquantenaire Museum, e o AutoWorld, onde vimos que acontecia a exposição dos 70 anos da Ferrari, ele é um museu mais focado em exposição de carros.
O parque é realmente lindo, e nós aproveitamos. Brincamos com a Nina, caminhamos um pouco, tiramos fotos, tomamos um café e um chocolate quente e ficamos observando as pessoas. Elas estavam ali fazendo esportes, Yoga, corrida, ou também brincando com seus cães ou crianças.

Parc Cinquentenaire

 Parlamentarium.

Quando saimos do Parque vimos o Distrito Europeu, o bairro onde ficam todos os prédios das Comissões Europeias e o Parlamento. Não fomos lá visitar pois tinhamos que voltar pra casa, e ja estavamos mortos. Mas, para quem tem interesse em conhecer mais sobre a União Europeia, há um espaço aberto a visitação, o Parlamentarium. É uma exposição interativa, com um tour pela história da UE e a entrada é gratuita. Dentro da nossa lista do que fazer em Bruxelas esse teve que ficar de fora.

 

A capital dos desenhos em quadrinhos.

Por ultimo ja no caminho pra casa vimos um museu dedicado aos quadrinhos, o Comics Art Museum. Para quem ama as aventuras do Tintim, os Smurfs e outros aqui é o lugar. Além disso existe também a loja dedicada aos personagens, que é cheia de coisas muito fofas. É indispensável dar uma conferida nessa parte da história, então lembre-se de incluir os quadrinhos na lista do que fazer em Bruxelas!

As ruas possuem várias pinturas e grafites das historias em quadrinhos, e eu tive a sorte de encontrar alguns!

 

Quadrinhos - Aventuras de TIMTIM - Bruxelas

 

Bom meus amores é isso, eu fiz um vlog dessa viagem incrível, conto o que fazer em Bruxelas e conto sobre meu tour e vocês podem conferir logo abaixo! Lembrem-se de deixar seus comentários e se inscreverem lá no meu canal – Dyuly Pouvreau.

E se quiserem organizar um tour por Paris ou Amsterdã não deixe de ler os artigos:

Viver em Paris, uma “AVENTURA” sem fim.

Viajar Para Amsterdam – Melhores Lugares Para Visitar

 

 

Beijos

 

Related Posts

Leave a comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

O que fazer em Bruxelas - Principais Pontos turíticos e muito mais.

Download o guia gratis X Fechar