Seguro viagem – Entenda a importância dele para sua viagem

Quando organizamos uma viagem, sempre pensamos em tudo, mas nunca nos preocupamos com o seguro viagem. Diferente do seguro saúde o seguro viagem é mais completo e é obrigatório em alguns países mas nem todos. Mesmo sabendo que acidentes acontecem e problemas de saúde são imprevisíveis, não somos tão ligados a importância de se ter um.

A diferença é que o seguro saúde possui apenas a cobertura médica, como por exemplo: consultas, internações. Já o seguro viagem possui, além destas coberturas médicas, outras coberturas, como: extravio e localização de bagagem, indenização em caso de morte, fiança, auxílio financeiro, entres outras.

Por isso, preparei esse post com dicas sobre seguro viagem para te ajudar a esclarecer dúvidas. Se já está pronto, e de passagens compradas, vai gostar de saber o quanto o seguro viagem ou seguro saúde, pode literalmente “salvar sua vida” em caso de imprevistos. Uma maneira segura de cair na estrada e desbravar esse mundão a fora!

Se não está afim de passar perrengue durante as férias, acompanhe o post até o final, anote suas dúvidas, deixe seu comentário!! É preciso estar pronto para enfrentar todos os desafios de uma viagem internacional. A gente nunca sabe quando vai ser pego de surpresa, como uma intoxicação alimentar acompanhada daquela dor de barriga que aparece de repente, no lugar e hora errados…

 

Imprevistos acontecem, vale a pena ter um seguro viagem?

 

Te convido a imaginar a seguinte cena:

Você está andando em direção à Times Square, naquele cenário iluminado, cheio de grandes predios e lojas, fazendo várias fotos. Você, encantando, se distrai por um segundo e aí… PÁ! É atingido por um taxi muito apressado. Todas as sacolas que você tem nas mãos caem esparramadas no chão e você percebe que, além do vidro do taxi estar quebrado, você também quebrou o braço!

Imaginando dessa forma o cenário, de todo modo, é desesperador e doloroso. Mas imagine como seria pior se você não tivesse um seguro viagem e precisasse pagar por todo o atendimento médico em dólares!

Pode parecer exagero, e claro que não desejo isso pra ninguém, mas o fato é que todo viajante que ama se sentir seguro e é precavido precisa estar preparado para os possíveis “acidentes” da sua viagem. E claro que não estou dizendo apenas de acidentes propriamente dito, mas também os problemas de saúde.

Se no Brasil é possível passar mal com uma comida de rua velha, um doce de praia… PS: eu já tive uma intoxicação alimentar horrível por comer cocada na praia, quase morri de passar mal!!! Imagine o que pode acontecer em países que sequer conhecemos!

Uma crise de apendicite, uma forte diarréia,uma infecção de garganta seguida de febre e tosses insuportáveis…  São apenas simples exemplos de tudo o que pode acontecer a um viajante durante sua viagem. E estou falando de saúde, em geral o seguro viagem te protefe de outras “zicas”. Como extravios de bagagem, problemas jurídicos e outros pepinos. Pode acontecer com qualquer pessoa!

Pensando no seu bem estar (e nas minhas experiências pessoais) reuní abaixo informações básicas  e importantes sobre seguro viagem. Porque como diz a minha mãe “o seguro morreu de velho”.

O que é o seguro viagem?

 

O seguro viagem é um seguro que garante ao segurado uma indenização no caso da ocorrência de riscos cobertos durante período da viagem. Esses riscos englobam o embarque, a permanência e retorno do viajante. Diferentes empresas de seguro oferem essa opção para os turistas. Inclusive as empresas de cartão de crédito internacional.

Você pode entrar em contato com sua operadora de cartão e verificar se eles oferecem. Caso ao contrário, agências de viagens podem indicar empresas seguradoras ou você pode pesquisar empresas como a Assist Med, Vital Card, Mondial Assistance, Amex, Allianz e outras.

Existem seguros para todos os destinos – nacionais e internacionais – e são adequados a todos os perfis de turistas e de profissionais que viajam a trabalho. Em geral oferecem serviços interessantes e possuem um baixo custo, que equivalem menos de 5% dos custos de uma viagem.

 

Seguro viagem

Qual a importância do seguro viagem?

 

Todo mundo sabe que acidentes e doenças podem acontecer com qualquer pessoa ou viajante; Independente da experiência com viagens a gente nunca sabe o que pode acontecer. Comigo graças a Deus só foi uma intoxicação alimentar, e meu seguro cobriu todas as despesas médicas. Porém e se o problema for grave?

Normalmente o custo do tratamento no exterior pode ser bem caro! E nem todos os países atende gratuitamente estrangeiros na rede de saúde (mesmo a rede pública). Se você precisar terá que pagar pelas consultas médicas, remédio e, em casos mais graves, transporte de ambulância e internação.

Então por esses motivos o seguro viagem é tão importante! Não vale a pena correr o risco pela economia de não fazer um seguro de viagem antes de embarcar. Além disso, lembre-se:  o seguro viagem vale também para outros tipos de serviços, como extravio de bagagem, remarcação de passagem, assistência jurídica e até repatriação do corpo em caso de morte.

 

Como funciona o seguro viagem?

 

Em geral o seguro viagem funciona como um plano de saúde temporário. Você escolhe a data que vai viajar, o período da viagem, e faz seu seguro. Você paga por dia, e as taxas variam com o nível de cobertura que você deseja ter. A minha última viagem eu paguei aproximadamente 4 U$ dólares por dia, para uma viagem de 10 dias. Ou seja, gastei 40U$ dólares para estar segura e sem preocupações com imprevistos. O valor pode variar para mais ou menos, dependendo de empresa, destino, período, idade, etc.

Podemos considerar o seguro viagem também como uma garantia de indenização para várias situações, imprevístos e acidentes. Ele será válido pelos dias da contratação e dentro das normas especificadas em cada contrato. Normalmente é feito para destinos internacionais, onde os planos de saúde brasileiros que usamos no dia a dia não tem validade. Mas se você quiser, existem planos nacionais para viagens dentro do Brasil.

 

Quais são as coberturas básicas do seguro viagem?

 

Normalmente o seguro viagem tem que oferecer, obrigatoriamente, proteção para, pelo menos uma ou mais  das seguintes coberturas básicas:

Despesas médicas, hospitalares e/ou odontológicas em viagem nacional e internacional 24h.

Traslado Médico, indenização das despesas com a remoção ou transferência do segurado até a clínica ou hospital mais próximo, por motivo de enfermidade ou acidente pessoal.

Morte em viagem e funeral em caso de falecimento do segurado por causas naturais ou acidentais durante o período de viagem.

Traslado de corpo e indenização das despesas de transporte do corpo do segurado do local da ocorrência do falecimento até o domicílio ou local do sepultamento.

Invalidez permanente total ou parcial por acidente em viagem e indenização em caso de perda funcional definitiva, total ou parcial, em decorrência de lesão física provocada apenas por acidente pessoal ocorrido durante o período de viagem.

Bagagem, indenização em caso de extravio, roubo, furto, dano ou destruição da bagagem, devidamente comprovados.

Cancelamento de viagem ou regresso antecipado, indenização das despesas não reembolsáveis com a aquisição de pacotes turísticos e/ou serviços de viagens, como transporte e hospedagem, se o segurado ficar impedido de viajar ou continuar viajando.

Despesas jurídicas;

As opções são várias, com ampla abrangência, de acordo com o perfil do viajante e o destino da sua viagem. Há planos para quem viaja sozinho com ou sem frequência, para toda  a família e para executivos a trabalho.

 

Como contratar um seguro de viagem?

 

Eu comentei no início do post, mas vale ressaltar. Os seguros de viagem podem ser contratados  on line ou pessoalmente através de empresas especializadas em seguro, no próprio banco do viajante, no site onde a compra da passagem foi realizada, em agências de turismo ou nas operadoras de cartão de crédito.

O processo de contratação de um seguro viagem normalmente é simples, rápido e sem burocracias. A grande maioria oferece suporte 24h/24h e um guia do seguro para que o viajante saiba o que fazer na hora necessária.

Em geral o seguro viagem é feito de acordo com os países de destino e o tipo de atividade a ser realizada na viagem; O plano escolhido pode ir do básico ao super completo. Mas lembre-se que no momento da contratação você deverá informar detalhes importantes para a seguradora; Como problemas de saúde, gravidez, esportes radicais, etc… Assim terá certeza de estar bem coberto e dentro das suas expectativas.

Saiba que no caso de esportes radicais ou de aventura, pode haver uma alteraração na contratação do seguro. Não é comum que a cobertura comum do seguro seja válida para acidentes com esportes como esqui, escalada, mergulho e outros.

Por isso, informe detalhadamente a intenção de praticar essas atividades com  a seguradora. Assim irá evitar problemas na hora do atendimento. Exite também o caso de adultos acima de 70 anos e mulheres grávidas, ambos também costumam ter preços diferenciados para o seguro.

E não se esqueça de verificar se o seguro cobre doenças pré-existentes. Essa cobertura não é comum a todos os seguros.

Como comprovar a posse do seguro viagem?

 

Quando você efetua a compra do seu seguro viagem, é enviado ou entregue a você um contrato, guia e outras informações referentes ao seguro escolhido. Guarde tudo com você junto aos seus documentos de viagem. Saiba que é muito importante ter em mãos o contrato do seguro escolhido, mesmo que seja o do cartão de crédito.

Como eu disse, existem países que exigem esse tipo de seguro, então a prova será os documentos que eles te entregam. Além de haver a possibilidade de ser exigido na imigração do país de destino, (na Europa por exemplo). Ele será útil em caso de emergência para entrar em contato  e acionar a empresa do seguro.

Você também deve ter o número do contrato e todos os telefones de atendimento possíveis para casos de emergência. Deixe todos esses contatos também com um responsável no Brasil e com os companheiros de viagem para estar mais seguro.

Além disso meus amores, aconselho que ao embarcar para a viagem você, em local acessível, os dados de contato da seguradora contratada e número do contrato. E saiba que os planos de seguro de viagem funcionam em sistema de reembolso; Ou seja, você será obrigado a pagar a conta do atendimento e depois o seguro irá fazer o ressarcimento dos valores.

Mas exitem as assistências de viagem, que não exigem nenhum tipo de pagamento e tratam sobre valores diretamente com os hospitais e médicos, não havendo custos para o segurado. Em alguns casos, há a exigência do pagamento de uma valor fixo para o seguro a cada vez que ele for acionado.

E caso seja necessária a permanência no local da viagem para atendimento médico além da data final estipulada na contratação do seguro; O prazo de validade do seguro será automaticamente estendido e o valor regulado.

Viu só como é importante ter o seu seguro viagem antes de cair na estrada? Se tiver dúvidas, deixe seu comentário abaixo que irei responder o mais breve possível!

Achou as informações úteis? Compartilhe com seus amigos e familiares para garantir que todo mundo tenha uma viagem tranquila e segura!!

Até mais!

Leave a comment

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Seguro viagem – Entenda a importância dele para sua viagem

Download o guia gratis X Fechar